Dicas práticas para acabar com o cheiro de xixi de gato – Minassal

cheiro de xixi de gato

Os gatos são companheiros para todas as horas e gostam de acompanhar seus tutores para todos os cantos, prontos para uma brincadeira ou uma soneca de fim de tarde. Mas apesar de serem animais muito cuidadosos com sua higiene, as vezes os gatinhos podem acabar escapulindo da caixinha de areia e fazer suas necessidades em locais inadequados.

Como tirar o cheiro do xixi de gato

Por natureza o xixi dos peludinhos pode apresentar odor mais forte do que de outros animais, como os cachorros, por exemplo. Isso acontece porque a quantidade de água na urina dos gatos é menor que a de ureia, o que deixa o cheiro mais evidente.

Mas se você notou que um ambiente da sua casa está com odor de xixi ou flagrou seu bichano fazendo suas necessidades onde não devia, não precisa se preocupar. A higienização é simples e nós trouxemos dicas para te ajudar nessa tarefa. Confira!

1. Encontre a origem do mau cheiro

O primeiro passo é descobrir de onde vem o odor de xixi. Mesmo que o cheiro se espalhe pelo ambiente rapidamente, basta limpar o local onde o pet fez xixi e promover a circulação de ar, aos poucos o cheiro será extinto.

Se o xixi é recente, o ideal é procurar por algum local ou objeto que esteja molhado ou úmido. Mas se já faz um tempo que seu gatinho fez xixi, basta procurar por uma mancha amarela que não estava ali antes. Pela alta concentração de ureia, a urina do animal possui coloração evidente, o que facilitará a identificação.

Quanto mais próximo do local marcado, maior a incidência de odor. Então tente reconhecer onde o cheiro fica mais forte, pode ser um bom ponto de partida.

2. Próximo passo: começar a limpar

Se você já identificou qual a origem do mau cheiro, ou seja, o local onde seu gatinho fez xixi, é preciso iniciar o processo de higienização o mais rápido possível, antes que o cheiro se espalhe ainda mais.

Se o pet fez xixi no chão de cimento ou piso, a limpeza será simples e rápida. Basta secar o local, removendo todo o excesso de urina e, após isso, esfregar o chão com detergente ou outro tipo de desinfetante da sua preferência.

Esse tipo de limpeza já é suficiente para remover as manchas, odor e até mesmo higienizar o local.

Mas se o xixi do gato se encontra em alguma superfície de tecido, a limpeza pode ser um pouco mais trabalhosa.

Toalhas, tapetes pequenos e almofadas

Para itens pequenos, como as toalhas de banho e de mesa, os tapetes capachos ou almofadas, basta colocá-los para lavar com sabão em pó ou outra substância desinfetante.

Se for possível esfregar para garantir a remoção das manchas, ótimo! Caso não seja possível, uma opção é deixá-los de molho por um tempo e depois enxaguar até perceber que qualquer vestígio do xixi foi removido. Se necessário, repetir o processo.

No caso das almofadas, que possuem espuma ou outro tipo de enchimento, vale a pena tentar absorver a umidade com um papel absorvente (pode ser até papel toalha) e borrifar uma solução própria para esse tipo de limpeza. Essas soluções podem ser encontradas em pet shops ou casas de ração, mas também é possível utilizar-se de uma mistura de álcool e vinagre.

Após a limpeza, uma dica interessante é deixar as almofadas no sol por um tempo. O calor ajudará na higienização e eliminação do odor.

Tapetes grandes, sofás e colchões

Os tapetes, estofados e colchões podem não ser tão simples de limpar como os itens acima, mas com o uso dos produtos corretos é possível deixá-los novinhos em folha.

Basta seguir as mesmas dicas para a higienização das almofadas. Identifique o local onde seu gatinho fez xixi e tente remover, cuidadosamente, o excesso de umidade. A recomendação é não esfregar toalhas ou esponjas sobre o local, uma vez que com o atrito a urina pode impregnar no material.

Após remover a umidade, borrife todo o perímetro com a solução para higienização ou a mistura de álcool e vinagre. Deixe que o tecido absorva a substância e retire o excesso, caso fique úmido demais. Pode ser que você tenha que repetir o processo até que fique limpo e sem qualquer cheiro desagradável.

Se possível, abra portas e janelas para aumentar a circulação de ar no ambiente e tente posicionar os itens para que estejam em contato com a luz do sol.

3. Cuidados básicos

Mesmo que seu gatinho não apresente qualquer doença ou problema de saúde, sua urina pode contar alguns micro-organismos causadores de doenças. É importante fazer o uso de luvas e evitar qualquer contato com a urina do animalzinho durante a limpeza.

Assegure-se também que os produtos utilizados não sejam prejudiciais à sua saúde e à saúde do pet.

Antes de iniciar a limpeza, valide se os produtos de limpeza selecionados não correm o risco de estragar os tecidos ou estofamento dos seus móveis e objetos.

4. Fique sempre de olho no seu peludinho!

Os gatos são, por natureza, animais predadores e, por este motivo, se preocupam muito em esconder qualquer sinal de sua presença, como xixi e fezes. É esperado que seu gato adulto já tenha se acostumado a fazer suas necessidades na caixinha de areia, então se esse comportamento mudar de repente, algo pode estar errado.

Não brigue com seu gatinho ou o castigue caso ele faça xixi fora do local adequado, isso pode acontecer uma vez ou outra e pode significar várias coisas. Limpe o local e o incentive a usar a caixa de areia da próxima vez. Se perceber que fazer xixi fora da caixinha se tornou um hábito, está na hora de marcar uma consulta com o veterinário.

Gostou de nossas dicas sobre como tirar o cheiro de xixi de gato? Leia também: Como ensinar o gato a usar a caixinha de areia

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.