Linguagem canina: conheça 6 sinais da comunicação canina – Minassal Distribuidora

Linguagem canina: conheça 6 sinais da comunicação canina

É inegável a conexão entre o tutor e o seu cão. Se você tem um cachorro, sabe que a comunicação entre vocês às vezes é tão clara, que realmente parece que você está falando com outra pessoa. Mas então, se o seu cão te entende tão bem, como entender a linguagem canina? 

Para que você consiga saber o que o seu doguinho está te dizendo, nós separamos algumas dicas importantes! Confira! 

Como funciona a linguagem canina? 

Linguagem canina: conheça 6 sinais da comunicação canina

Uma vez que os cães são animais super sociáveis, já podemos imaginar que eles tenham uma linguagem própria muito evoluída. 

Porém, para que você consiga se comunicar com o seu pet, é preciso primeiramente entender essa linguagem canina. 

Através de anos de estudos e observações, pesquisadores chegaram à conclusão de que os cachorros se comunicam pela linguagem corporal, basicamente. Isto é, através de movimentos é possível entender o que eles estão querendo nos dizer. 

De acordo com a treinadora e autora do livro “A linguagem dos cães: os sinais de calma”, Turid Rugaas, os gestos dos cachorros são universais, por isso todos os cães conseguem entender os seus movimentos de apaziguamento, por exemplo. 

Como entender a linguagem canina?

Linguagem canina: conheça 6 sinais da comunicação canina

O que o seu cão está tentando te dizer, era um mistério antes deste post. Mas agora que você já sabe que ele usa a linguagem canina própria para se comunicar, é preciso saber o que cada uma delas significa. 

Cada gesto que os cães fazem permite que eles comuniquem sentimentos, por exemplo a alegria, a raiva, entre outros que o deixam em uma situação confortável ou não. 

Mesmo que eles usem latidos e outros sons para se comunicar, você pode conseguir muito mais informações a partir da linguagem corporal canina. 

Confira agora uma lista com 6 sinais da comunicação canina que vão te ajudar a interpretar as emoções do seu pet: 

1. Relaxado/tranquilo

Quando o cachorro está relaxado e razoavelmente contente, ele está em uma situação em que ele se sente seguro. Por isso, provavelmente você pode se aproximar do animal pois ele não é uma ameaça para você. 

Mesmo assim, se o cachorro não for seu e você quer se aproximar dele, faça movimentos calmos para não assustá-lo ou provocar reações agressivas. 

Alguns sinais de que o cachorro está tranquilo: 

  • Orelhas para cima; 
  • Cabeça erguida; 
  • Boca levemente aberta com a língua para fora; 
  • Rabo abaixado e relaxado. 

2. Alerta

Linguagem canina: conheça 6 sinais da comunicação canina

Se o cão está em estado de alerta é porque ele detectou alguma coisa do seu interesse, ou alguma presença desconhecida. 

Os sinais a seguir, fazem parte da linguagem canina para demonstrar esse interesse. Eles mostram que o cão está alerta e prestando atenção em determinada situação. 

  • Orelhas viradas para frente; 
  • Olhos bem abertos; 
  • Boca fechada; 
  • Nariz e testa relaxados; 
  • Rabo na horizontal; 
  • Rabo se movimentando na horizontal. 

3. Agressivo 

Linguagem canina: conheça 6 sinais da comunicação canina

O cão quando está em um estado mais agressivo pode ser por dois motivos: ou porque ele é o animal dominante e quer mostrar isso; ou ele está com medo e está tentando se proteger. 

No primeiro caso, ele está somente demonstrando a sua posição como o dominante do grupo. Mas é capaz que ele te ataque caso se sinta desafiado.

Por isso tenha muito cuidado com os seus movimentos se você ver um cachorro com essas características: 

  • Testa mais enrugada; 
  • Boca mais aberta (em formato de “C”), mostrando os dentes; 
  • Pernas mais estendidas; 
  • Rabo arrepiado e levantado para cima; 
  • Pelos das costas arrepiados; 

Já no segundo caso, apesar do cachorro estar com medo, não significa que ele seja submisso. Então, se você fizer algum gesto mais brusco, ele pode te atacar.   

Fique atento à esses sinais: 

  • Orelhas para trás; 
  • Boca levemente aberta, sem dentes visivelmente; 
  • Canto da boca mais encurvado; 
  • Rabo entre as pernas;
  • Parte da frente do corpo abaixada; 
  • Pelos das costas arrepiados. 

4. Estressado

Um animal pode sofrer de estresse por vários motivos; devido ao ambiente em que vive ou por estar sofrendo de ansiedade, por exemplo. 

O cachorro mais estressado apresenta os seguintes comportamentos: 

  • Pupilas dilatadas;
  • Respiração rápida e ofegante;
  • Rabo entre as pernas;
  • Corpo mais abaixado; 
  • Excesso de lambeduras; 
  • Orelhas para trás. 

Leia também: Síndrome de Ansiedade Canina: descubra as principais causas e como prevenir

5. Medo

Quando o cão é mais passivo, isto é, não tem características do alfa, ele pode demonstrar isso em sua linguagem corporal. 

A fim de tentar pacificar a ameaça em potencial, o cão irá se mostrar mais vulnerável, muitas vezes até mesmo deitado no chão, de barriga para cima. Além disso, ele pode usar essas linguagens caninas: 

  • Corpo mais abaixado;
  • Rabo entre as pernas, 
  • Orelhas para trás; 
  • Pouco contato visual;
  • Pode haver um pouco de urina no chão. 

6. Alegre/brincalhão 

Por último, nós temos a melhor visão do nosso melhor amigo! Afinal quem não gosta de ver o seu doguinho super feliz e brincalhão? 

Você sabe que o seu cão está para brincadeira quando vê:

  • Rabo para o alto, se movimentando para todas as direções; 
  • Orelhas para cima; 
  • Boca bem aberta e língua para fora; 
  • Parte de trás do corpo mais levantada e patas da frente dobradas.  

Entender o que o seu cachorro tem para te dizer é muito importante para vocês dois. Não só porque você consegue criar uma conexão maior com o seu bichinho, mas também para que você saiba se ele está feliz ou não. 

Deixe a linguagem canina te dizer o que o seu pet está sentindo!

Leia também: Dicas de cuidados com os animais no inverno